Introduzida na Europa pelos navegantes fenícios, esta especiaria, delicadamente fragrante e ligeiramente doce, é nativa do Sri Lanka (Ceilão), e hoje cresce na maioria das regiões tropicais quentes e úmidas.

Leia mais...

Embora estreitamente relacionada com a canela, e freqüentem ente com ela confundida, a cássia é originária da Birmânia (muito distante do local de origem da canela, o Sri Lanka). Já era usada na China em 2500 a.C. e chegou à Europa pela velha rota das especiarias do Oriente.

Leia mais...

É uma especiaria muito antiga, usada pela primeira vez pelos primitivos egípcios e, depois, pelos antigos gregos e romanos. Chegou à Europa através das velhas rotas das caravanas e, depois do açafrão e da baunilha, é a especiaria mais cara. O cardamomo é usado mais intensamente na Índia e no Oriente Médio. Na França e nos Estados Unidos, seu óleo é utilizado em perfumaria. A planta cresce profusamente na costa do Malabar, na Índia, enquanto uma outra variedade cresce no Sri Lanka, México e Guatemala.

Leia mais...

De origem desconhecida, a cebolinha muito provavelmente surgiu na Ásia Central, mas devido à sua fácil adaptabilidade a diversos climas, é conhecida em praticamente todos os continentes. Mais utilizada na Europa, tem na França seu maior divulgador.

Leia mais...

Erva aromática, da família da cenoura, originária da Rússia e da Ásia Ocidental, cultivada desde o início da Era Cristã e introduzida no restante da Europa pelos romanos.

Leia mais...

Nativo do sul da Europa e do Oriente Médio, é um dos membros da família da cenoura e um dos cheiros mais populares nas cozinhas de todo o mundo.

Leia mais...

Planta originária do Oriente e cultivada no Egito e nos países mediterrâneos desde tempos remotos.

Leia mais...

O nome dou, em francês, vem da palavra latina davus, que significa prego. Nativo das Ilhas Moluca e também do Zanzibar e da República da Malásia, já era usado pelos cozinheiros chineses centenas de anos antes da Era Cristã. Quando as nações ocidentais buscavam as especiarias, foram os holandeses que estabeleceram um monopólio naquelas ilhas, depois de terem expulsado os portugueses, em 1605. Restringiram o cultivo a uma das ilhas. Porém, em 1770, os franceses conseguiram sementes que levaram para seu país.

Leia mais...

Raiz da planta da família do gengibre. Nativa da Conchinchina, importada da Índia, Haiti, Jamaica, Peru, há 3000 anos, a cúrcuma é mencionada em escritos do médico grego Diosrides. Era utilizada como tinta e ainda hoje é usada para colorir manteiga, queijo e picles. É cultivada há mais de 2000 mil anos na Índia, na China e no Oriente Médio. Agora, cresce em todas as regiões tropicais do mundo.

Leia mais...

Planta aromática da família das umbelíferas, de origem européia, cresce até a altura de 1,2 m. Suas sementes são usadas para aromatizar um grande número de pratos da cozinha internacional.

Leia mais...

VENDO ESTE SITE POR R$ 5,000,00 COM 1 ANO DE HOSPEDAGEM GRATUITA

Interessados falar com  Carlos (17) 3521 2829 ou 981 069 762 (tim)